Lune Fisioterapia

Ciência, Filosofia e Humanidade para sua qualidade de vida

OMS: complicações no parto matam 500 mil por ano

Posted by lunefisio em junho 15, 2007

Complicações na gravidez e no parto matam mais de 500 mil mulheres por ano, de acordo com dados divulgados pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Cerca de 25% dessas mortes são provocadas por fortes hemorragias que não puderam ser tratadas de forma adequada, muitas vezes por causa da falta de sangue para reposição. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira, Dia Mundial do Doador de Sangue.

A campanha deste ano visa promover o aumento do estoque dos bancos de sangue mundiais para atender às mães que precisem de transfusões na gravidez e durante ou depois do parto.

Segundo a OMS, 99% dos óbitos decorrentes de hemorragia no parto ocorrem em países pobres ou em desenvolvimento, onde as transfusões de sangue são mais raras e as doações muitas vezes motivadas por dinheiro.

De acordo com os dados da organização, apenas 45% do suprimento global de sangue são provenientes de países pobres ou em desenvolvimento, onde estão localizados 80% da população mundial.
Doações voluntárias

Uma pesquisa realizada pela OMS, com dados coletados de 172 países em 2004, revelou que houve um aumento da porcentagem de doações voluntárias de sangue de 25% para 47% em países pobres ou em desenvolvimento. No Brasil, 52% das doações vieram de coletas voluntárias feitas em bancos de sangue.

A média é considerada alta se comparada a de outros países da América Latina, como Argentina (7%), México (3,7%), Chile (6,7%), Venezuela (7%) e Bolívia (23,2%).

Os dados brasileiros encostam nos da Colômbia (50.5%), mas ficam atrás dos da Costa Rica (57,1%), Cuba e Uruguai, onde 100% das doações são voluntárias.
Risco de doenças

De acordo com a OMS, o risco de se transmitir doenças como o vírus do HIV, hepatite B, C, e sífilis é bem maior nos casos dos doadores que vendem seu sangue ou dos que doam sangue pela necessidade de parentes ou amigos.

A Organização Mundial da Saúde recomenda que toda transfusão passe por exames detalhados para identificar doenças transmissíveis pelo sangue. A OMS diz que países pobres e emergentes ainda não oferecem testes completamente eficazes, mas identificaram melhorias.

Segundo a entidade, o número de transfusões “arriscadas” caiu de 6 milhões em 2002 para 1,5 milhão em 2004 nesses países.

Fonte

BBC Brasil

Powered by Zoundry

Posted in Saúde | Leave a Comment »

Obesidade infantil ‘é forma de negligência’, dizem médicos

Posted by lunefisio em junho 15, 2007

Médicos britânicos acreditam que casos extremos de superalimentação de uma criança devem ser encarados como uma forma de abuso ou negligência, segundo dados e entrevistas levantados pela BBC junto a quase 50 pediatras na Grã-Bretanha.

Fonte
BBC BRASIL.com – Todos os direitos reservados.

Posted in Saúde | Leave a Comment »

OMS pede proibição mundial de fumo em locais públicos

Posted by lunefisio em junho 3, 2007

fumante

A Organização Mundial da Saúde (OMS) está apelando a todos os países, a banirem o fumo em todos os locais públicos fechados.

Segundo a BBC, a OMS estima que cerca de 200 mil pessoas morrem todos os anos em decorrência de doenças ligadas à exposição ao cigarro em locais de trabalho.

Sem dúvida se pudermos cooperar com a diminuição dos fumantes, poderemos avançar na busca de uma melhor qualidade de vida, pois o fumante passivo que aspira a fumaça antes de passar pelo filtro, tem muito maior probabilidade de ter câncer, do que o fumante que fuma através do filtro.

Ou seja, você pode morrer apenas pelo prazer de outro.

Posted in Saúde | Leave a Comment »

Chá de Hortelã por R$ 5,00

Posted by lunefisio em maio 26, 2007

 

Chá de Hortelã por R$ 5,00_ Pode?

Estou escrevendo este post meio revoltado logo após chegar de ter jantado fora.

Realmente quando se envereda pelos caminhos do vegetarianismo a coisa cada vez começa a ficar mais dificil ao querer encontar alternativas de refeições à noite, pelo menos cá no Rio de Janeiro.

Hoje fiquei com vontade de ir comer num restaurante de comida árabe no Rio Design Barra chamado Amir.

Nesta oportunidade pedimos um pratinho bastante generoso chamado Combinado para 2 pessoas. O prato é composto de varios quitutes dentre ele: Tabule ou fatouche, homus ou babaganouch, coalhada seca, mini kibe (4 unidades), falafel (4 unidades) e mini esfiha (4 unidades). O preço não poderiamos dizer que seja barato R$ 55,00. Como se tratava de uma sexta feira, decidimos fazer uma exceção e mandamos ver.

Pouco depois o garçon nos oferece uma bebida, pensamos, já que estamos nesta comidinha legal não vamos estraga-la com refrigerante ou bebida alcoolica e perguntamos se tinham algum tipo de chá para acompanhar, o garçon muito prestativo no informa que serviam um CHÁ DE HORTELÃ (escrevo com maiúscula para ver ser ganha mais valor). Olha, ninguém em sã conciência se preocuparia de pergunta o preço por um copinho de CHÁ DE HORTELÃ, certo? Errado, neste restaurante você deve perguntar até pelo preço dos molhos que colocam na mesa para não levar uma sorpresa no final de sua refeição. Pois bem, já satisfeitos e sem sequer comer uma sobremesa (ainda bem que não pedimos) solicitamos nossa conta, felizes por ter nos deliciado com a refeição.

Quando o garçon nos apresenta a conta vem destacados dois valores, a refeição, o famoso combinado e o preço dos dois copos de CHÁ DE HORTELÃ que haviamos pedido. Qual não foi nossa surpresa quando aparece CHÁ DE HORTELÃ 2 unidades, preço unitário R$ 5,00 total R$ 10,00. Eu quase quis devolver o que já tinha comido do susto que levei, não que não quise-se pagar, muito pelo contrário, paguei o que me foi cobrado, ou seja 20% do valor da refeição era o preço de 600ml de agua que uma hora foi aquecida, acrescentada de algumas folinhas de hortelã que você compra o maço no mercado cá perto de casa a R$ 0,69 o que pelos meus calculos deve servir para preparar uns 5 Lt de Chá de Hortelã.

Moral da história veja o cardápio antes de pedir um chazinho, pois pode acabar se afogando num copo d´agua.

Posted in Vegetarianismo | Leave a Comment »

Porque ser vegetariano?

Posted by lunefisio em maio 18, 2007

Este tema passou  a fazer parte de nosso dia a dia ha bem pouco tempo. Como bons (ou não  tão bons) ocidentais, consumiamos uma substancial quantidade de carne animal conforme tivemos a nossa criação.

Aqui não  pretendemos defender o vegetarianismo nem rejeitar o contrário. Na virada do ano 2006_2007 assim como ocorre a 24  anos, é realizado o Kagyu Molan, uma atividade religioso-filosófica promovida pela escola Kagyu do Budismo Tibetano na cidade de Bodhgaya na India.

Nesta oportunidade S.S. XVII Gyalwang Karmapa, proferiu um ensinamento a respeito do vegetarianismo no Budismo.

Assim, achamos os motivos apresentado por S.S. XVII Karmapa, coerentes com a prática do Budha Darma.

O texto traduzido pode ser lido  na integra na pagina do Centro de Budismo Tibetano Karme Thegsum Tcholing

Posted in Meditação, Vegetarianismo | Leave a Comment »

Palestra de Tsoknyi Rinpoche no Rio de Janeiro

Posted by lunefisio em maio 17, 2007

Esta sexta feira 18/05/2007 cá no Rio de Janeiro teremos a agradavel presença deste grande mestre do Budismo TIbetano.

tsoknyi2.jpg

Tsoknyi Rinpoche III foi reconhecido por Sua Santidade o décimo sexto Gyalwang Karmapa como a reencarnação do segundo Drubwang Tsoknyi Rinpoche. Ele é um mestre renomado das tradições Drukpa Kagyu e Nyingma e o detentor da linhagem Tsoknyi. Os professores do Rinpoche foram Kamtrul Dongyu Nyima Rinpoche, Dilgo Khyentse Rinpoche, seu pai Tulku Urygen Rinpoche, Nyoshul Khen Rinpoche, assim como Adhi Rinpoche.

Rinpoche é o abade de dois monastérios para monjas no Nepal e de cinqüenta e cinco monastérios de monges e monjas no Tibete, onde mais de três mil monjas praticam retiros por toda a vida, sob a sua orientação. Os esforços dármicos do Rinpoche se concentram tanto no Oriente, onde tem a sua sede no monastério Ngesdon Osel Ling, em Katmandu, quanto no Ocidente, em sua sede no centro de retiro Yeshe Rangsal, em Crestone, no Colorado, Estados Unidos.

Tsoknyi Rinpoche tem ensinado a tradição de Dzogtchen desde 1990 em todos os continentes. Ele tem alunos em muitos países da Ásia, Europa, do Oriente próximo, América do Sul, assim como da Austrália, Canadá, México e Estados Unidos. Seus livros, Carefree Dignity e Fearless Simplicity (ainda não traduzidos para o português), refletem a sua abordagem dos ensinamentos. O estilo alegre, porém esclarecedor, de Tsoknyi Rinpoche explicar ensinamentos tradicionais para o mundo de hoje, o transforma em um desses raros professores que atraem tanto praticantes iniciantes quanto avançados.

Palestra: “O Amor em um Mundo Violento – De uma Perspectiva Budista”

(Love in a Violent World – From a Buddhist Perspective)

Local: Cine Odeon BR, Pça Floriano 7, Cinelândia, Centro, Tel: 2240-1093

Posted in Meditação | Leave a Comment »

Boas vindas

Posted by lunefisio em maio 17, 2007

Hoje começamos este blog, nada de muito especial nem pretencioso.

Aqui queremos expor um pouco de nossas ideias e pensamentos tanto sobre fisioterapia como da vida de um modo geral.

Buscamos sem dúvida uma melhor qualidade de vida.

Obrigado!!

Posted in Sem-categoria | Leave a Comment »

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.